Audi S4 2010 : V6 3.0 supercharged 333cv

postado em 12 de nov de 2009 12:45 por Veiculos Phenom   [ 21 de nov de 2009 10:52 atualizado‎(s)‎ ]
A letra “S” significa para a Audi o que o “M” diz sobre um BMW. Há dez anos atrás, a Audi pegou o A4, colocou dois turbos em seu V6, endureceu a suspensão, aumentou o diâmetro das rodas e apresentou o S4. 

O que já era bom ficou melhor quando o V6 turbo de 250cv foi substituído pelo V8 de 340cv, alguns anos depois. Em 2009 o A4 foi redesenhado e, este ano, temos um novo S4, que deixou de lado o V8, e adotou um V6 3.0 supercharged de 333cv.

Com a introdução da nova versão, a Audi deslocou o eixo dianteiro 10 cm à frente, com o objetivo de conseguir aperfeiçoamento no equilíbrio dinâmico, e que, por outro lado, causou um belo efeito estilístico melhorando as proporções do carro. A Audi também introduziu novas superfícies mais largas na parte inferior da carroceria, em uma inspiração clara dos BMW. Entretanto, mesmo com as mudanças o Audi A4 atual é parecido com o anterior. É um carro bonito, sem dúvida, mas que fica atrás nesse quesito quando comparado com o impressionante A5 cupê.

Interior

A Audi ganhou nos últimos dez anos o título de líder em design de interiores, e esse talento está bem
evidente no novo S4. O interior é de extremo bom gosto, com partes em fibra de carbono, alumínio e couro que cria uma atmosfera esportiva e ao mesmo tempo requintada. A posição de dirigir beira a perfeição. O novo Audi A4 é 4,6 cm maior no comprimento e 2.1cm mais largo que o antecessor, e esses ganhos dimensionais refletem-se no interior também.

O posicionamento do motorista está um pouco mais atrás em relação ao painel de instrumentos, que é mais imponente que o anterior, e percebe-se clara e visivelmente que a cabine é maior e mais ampla. Essas mudanças, juntamente com a maior distância entre eixos, emprestam ao novo Audi S4 uma sensação de estar em um sedã de grande porte. Isso pode ser bom ou ruim. Pelo preço de um sedã de luxo compacto você tem o espaço de um sedã médio-grande. Mas, se você compra um sedã compacto procurando mais agilidade e intimidade com o carro, então essa alteração não é tão boa.

Os bancos do S4 têm abas proeminentes que dão excelente apoio lateral, especialmente em condução esportiva, apesar que pessoas de porte mais avantajado podem considerar os bancos um tanto quando desconfortáveis. Já no banco de trás, há um aumento de 1cm para os joelhos.

Transmissão e motor







O novo Audi S4 está disponível com dois tipos de transmissão: manual de seis velocidades e automatizada de 7 marchas de dupla embreagem S-tronic. Outro aspecto modificado foi o ruído do motor. Na nova versão do S4, a Audi optou por deixá-lo mais discreto e sem a eloquencia tradicional dos motores V8 que equipavam os modelos anteriores da série S4. O novo S4 é mais silencioso que o anterior, e nem mesmo o funcionamento do compressor volumétrico é percebido.

Performance

O novo S4 é um carro muito rápido, e o motor V6 3.0 comprimido não apresenta as mesmas decontinuidades de aceleração observadas no
antigo V6 bi-turbo. A aceleração é violenta, constante e progressiva.  Em termos de comportamento dinâmico, a nova direção do S4 é mais direta e carro tem um comportamento geral mais equilibrado que o anterior. O S4 percorre qualquer curva com facilidade, e é perfeitamente obediente: o motorista dá as ordens e o carro as executa com maestria.

Conclusão

O novo S4 é um carro sensacional, mas o emblema “S” não parece traduzi-lo com perfeição. Talvez chamá-lo de A4 3.0T seria mais adequado, e reservar o “S” para um modelo um pouco mais evidente no quesito esportividade.

Visite nosso portal de reportagens sobre automóveis: www.phenomveiculos.com.br/noticias
Comments